segunda-feira, 15 de novembro de 2010

Vencer as barreiras do Desanimo


Na profissão de vendas há muitos obstáculos que devem ser superados pelos vendedores e sem duvida um dos maiores deles é o desanimo e isto surge com os “nãos” que corriqueiramente ocorrem.

O desanimo levam vendedores a não visitarem regularmente os clientes. Faz com que o vendedor já anteceda o não de determinado cliente deixando de visitá-lo por pensar que ficará perdendo muito tempo nele sem vender não compensando a visita. Enfim, o desanimo leva o vendedor ficar em casa evitando gastos e assim, ele não gasta, mas também não ganha e as dívidas vencem da mesma maneira.

Há um pensamento que diz: “somos o que pensamos em ser”, ou seja, a partir do momento que se mentalize negativamente ou positivamente, nosso emocional é estimulado para tal pensamento e isto influi em nossas tomadas de atitudes. Portanto, é fundamental que o vendedor tenha sempre um pensamento positivo em relação às vendas.

Outro fator importante a se pensar é que; os "nãos" fazem parte da profissão de vendas, sendo assim, esta palavra não deve influenciar emocionalmente, pois ela é costumeiramente dita, portanto, não deve ser motivo de desanimo, mas sim de argumentos para vender.

É fundamental o vendedor ter em mente que não existe uma bola de cristal para adivinhar o futuro, desta forma, anteceder um posicionamento do comprador é algo que jamais pode ocorrer. Quantas e quantas vezes já deparei com situações onde acreditava que o cliente não faria pedido e fui surpreendido? E isto não são fatos isolados, mas quase a totalidade dos vendedores já passou também por esta situação.

Finalizando, o cansaço, o desanimo faz parte não só da profissão de vendas, mas de todo Ser humano, no entanto, o diferencial entre ótimos, bons, médios e fracos profissionais em vendas está na capacidade de reverter um estado psicológico negativo para o otimismo, para a perseverança, não se abatendo com os desafios da profissão de vendas que são: concorrência, preços, e os nãos, etc. Em vendas externas se não  for ao encontro do cliente não vai vender mesmo, ou seja, a comunicação, o contato é imprescindível. E nós que atuamos em vendas sabemos o que um pedido alcançado consegue em termo de reverter todo estado emocional do vendedor.

Ataíde Lemos
Escritor, poeta, palestrante
e representante comercial